Câmaras de Comércio da ACRio preparam 12º seminário ExportAção para novembro

451
Seminário ExportAção deverá ser realizado em 29 de novembro
Seminário ExportAção deverá ser realizado em 29 de novembro e formato do evento foi discutido pelos membros

As Câmaras de Comércio Exterior, da Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRio), preparam a realização da 12ª edição do seminário ExportAção, que deverá ser realizada no dia 29 de novembro. Os preparativos para o evento foram discutidos na reunião das câmaras, na terça-feira (28/06), na sede da ACRio, no Centro.

Durante o evento, os membros das câmaras ressaltaram a dificuldade de alguns empresários com o Siscoserv, sistema informatizado do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio (MDIC), desenvolvido para o aprimoramento das ações de estímulo, formulação, acompanhamento e aferição das políticas públicas relacionadas a serviços e intangíveis bem como para a orientação de estratégias empresariais de comércio exterior de serviços e intangíveis.

O secretário geral das Câmaras de Comércio Exterior da ACRio, Marco Aurélio de Andrade, ressaltou a importância de ter a China presente no evento, por se tratar de um parceiro comercial em ascensão na pauta das relações comerciais do Brasil. “É um dos principais parceiros comerciais. Em breve estará passando os Estados Unidos com principais parceiros”, disse ele.

No ano passado, a 11ª edição reuniu representantes de diversos órgãos do comércio, tanto governamentais quanto privados, como do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio (MDIC), da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços (Sedeis), da Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB) e Apex-Brasil, entre outros. Também houve um atendimento ao empresário pelas instituições parceiras do evento.

O evento deverá também trazer discussões sobre o projeto Chama Empreendedora, cuja segunda fase será lançada em outubro e também após o lançamento dos catálogos virtual e físico sobre as empresas que devem participar da publicação. A expectativa é que de 250 a 300 companhias apareçam na publicação.